Monday, June 2, 2008

O poder de uma canção

É incrivel o poder que uma música em especial têm sobre nós.
Sempre fui amante de música. Tanto, que desde míudo aprendi a tocar viola.
O tocar viola, sempre foi um refúgio para mim. Quando as coisas estão complicadas, ou ando em baixo, sempre foi me refugiei na viola. A minha "companheira" que me ouviu tanta vez, e que guarda tantas frutações, tristezas, e também alegrias. De cada vez que pego na viola, nada fica igual depois.
Isto têm a ver com uma música que ouvi hoje no meu ipod (nem me tinha apercebido que este albúm por lá andava), e que me fez recuar a uma época de excelentes recordações, na altura perto dos meu 17-18 anos. Essa música é do album do Rui Veloso-Acústico, e chama-se, o "prometido é devido". O poder que esta música teve na altura, e o poder que esta música ainda têm em mim nos dias de hoje, é incrivel. E se a música nos pode deixar alegres, também nos pode deixar nostálgicos. É este o fascínio da música. E decididamente esta deixou-me nostálgico. Fez-me recuar a tempos nunca mais recuperados. Fez-me relembrar pessoas, locais, situações, cheiros, como se tivessem ocorido à poucos minutos atrás, e que nunca mais vão voltar.
.
Penso que seja dos hobby´s que tenho, aquele que mais "perco tempo". Eu vá para onde fôr, tenho de levar música comigo. Seja no carro, no PDA, no ipod, nos treinos, na praia, no café.

2 comments:

Carlos Lopes said...

Já não consigo correr sem o meu Mp3

Nuno said...

Olá Carlos,
eu já para exactamente não depender do mp3, certas semanas, tento correr sem o aparelho.
Por exemplo, a última vez que series de 1000 foram sem qualquer música. Mas eu preciso de trabalhar a minha parte "mental", por isso tenho de a fazer sofrer nestes treinos. Ficar 100% concentrado no treino e no esforço.
Mas 98% do tempo, não dispenso o meu ipod.

abraços
Nuno